segunda-feira, 1 de maio de 2017

te amo de às a às
das três às três
nos 360 graus
no giro completo da terra em torno do sol
na translação dos meus olhos em torno
[da tua carne
de um jeito brega
e ridículo
como as minhas blusas
postas dentro das minhas calças.

Nenhum comentário:

Postar um comentário